Project Description

Ano Rotário: 2007-2008
Rotary Club de Florianópolis

luiz-carlos-lopes-manhaesNome: Luiz Carlos Lopes Manhães

FORMAÇÃO ACADÊMICA

Nascido em Marília, Estado de São Paulo, em 19/09/1938.
Curso Primário na cidade de Marília/SP em 1950
Curso Ginasial na cidade de Marília/SP em 1956
Curso Científico em Curitiba/PR em 1959
Curso de Direito em Bauru/SP em 1964
Curso da ADESG em Cuiabá/ MT em 1972
Curso de Licenciatura na Área Terciária. UFMT, em Cuiabá/MT em 1974
Curso de Doutorado em Ciências da Educação, na França, em 1983
Certificados de mais de uma centena de cursos de Curta Duração
Proferiu centenas de palestras na área de Legislação Escolar e de Tecnologia Educacional

 

RESUMO DA CARREIRA PROFISSIONAL

Iniciou sua carreira profissional como escriturário no Departamento de Terras em Londrina, Paraná, em 1960, onde ficou apenas durante poucos meses. Em seguida prestou concurso, em 1961, no Fórum de Marília/SP, de onde necessitou sair dois anos depois, por incompatibilidade com o horário da faculdade que cursava em outra cidade.

Em 1964 foi nomeado Inspetor Federal de Ensino e trabalhou na cidade de Bauru até 1968, quando solicitou transferência para Natal, onde casou e teve uma fi lha.

Em Natal foi convidado a chefiar a Inspetoria Seccional do MEC em Mato Grosso, para onde se mudou em 1969, e onde teve mais dois filhos. Como o cargo de Inspetor foi transformado em Delegado do MEC, ocupou essa função até 1980, quando solicitou dispensa para fazer pós-graduação em Educação, na França, onde morou até 1983.

Em Mato Grosso, além de haver instituído duas fundações educacionais, conseguiu construir uma Escola Agrotécnica Federal em Cáceres, MT e instalar os três primeiros cursos superiores naquela cidade, os quais deram início à atual Universidade Estadual de Mato Grosso.

Paralelamente ao cargo de Inspetor Federal e de Representante do MEC, foi professor da Universidade Federal de Mato Grosso, no período noturno, tendo colaborado na implantação daquela Universidade, inclusive conseguindo criar uma Orquestra Sinfônica naquela entidade.

Em 1987 prestou concurso nacional para Assistente Jurídico do MEC tendo sido colocado em 3º lugar no Brasil. Em 1988 solicitou transferência para Florianópolis, onde trabalhou na Delegacia do MEC até se aposentar após 36 anos de trabalho. Em seguida passou a dedicar tempo integral às funções docentes, já que havia sido transferido, como professor, da universidade de Mato Grosso, para a de Florianópolis. Em 2004 aposentou-se também como docente da Universidade após 32 anos de docência.

Durante esse período, especializou-se em Legislação Escolar, tendo publicado seis livros nessa área, um livro na área de tecnologia educacional e um na área de legislação de pessoal. Criou um site sobre legislação escolar brasileira denominado EDULEI.UFSC.BR.

Utilizando dos cargos ocupados, procurou sempre passar, de forma bastante incisiva e com sucesso entre os alunos e servidores, altos conceitos de ética, que são objetivos de Rotary.

VIDA ROTÁRIA

Ingressou no Rotary Clube de Cuiabá em 20 de dezembro de 1973, como afilhado de Antonio Carlos Alvim Penna. Nos três anos seguintes foi tesoureiro do clube. Nos outros três anos foi secretário do Clube.

Foi o editor do primeiro Catálogo do Clube. E ocupou várias avenidas de serviços.

Em 1980 mudou-se temporariamente para França, para realizar estudos de doutorado em ciências da educação. Nos dois primeiros anos em que lá esteve, procurou recuperar nos clubes de Grenoble, cidade onde morava. No último ano do doutorado, em virtude de incompatibilidade de horários e de acordo com a legislação rotária vigente na época, foi obrigado a se afastar do clube de Cuiabá no período 1982/1983, já que naquela época não havia licença.

Retornou ao clube em final de 1983, quando voltou para Cuiabá.

Naquele Clube participou de todas as campanhas iniciais do programa Pólio-Plus.

Foi o implantador e coordenador do programa rotário que obteve a doação de livros à Biblioteca da Universidade Federal de Mato Grosso, enviados, durante três anos, por rotarianos dos Estados Unidos.

Implantou o intercâmbio de Jovens em Mato Grosso e foi o Chairman do Programa desde 1985 até 1988, quando mudou para Florianópolis.

Criou, em Cuiabá, a Escola de 1º Grau “Paul Harris”, no ano de 1976, com 450 alunos e a entregou à administração da Casa da Amizade.

Ao ingressar, no final de 1988, no Rotary Clube de Florianópolis, como afilhado do companheiro Genovêncio Mattos Neto, assumiu a Avenida de serviços Internos. No ano seguinte foi secretário, tendo providenciado a atualização dos estatutos do Clube e sua publicação, junto com o Regimento, no primeiro Catálogo do Clube.

Criou o Boletim do R.C. Florianópolis e foi responsável pela edição do mesmo durante os seus 16 anos iniciais, até 2004.

Foi Tesoureiro do Clube, tendo nessa ocasião conseguido uma sede para o Clube e recursos com os quais foram adquiridas a mesa de reuniões, poltronas, armário de aço etc. Essa sede é usada até hoje, inclusive pela atual Governadoria do Distrito e está localizada na Rua Presidente Coutinho, em Florianópolis.

No período de 1993/1994 foi Presidente do Rotary Clube de Florianópolis, ocasião em que formulou um modelo de flâmula para o Clube, que está em uso até hoje. Publicou, naquela ocasião o segundo catálogo do clube.

Adquiriu seis Títulos Paul Harris : Um no próprio nome, um para a esposa, dois para os filhos , um para o genro e um para sua mãe.

No período de sua Presidência do clube, para aumentar o entrosamento com as famílias dos associados, compartilhou o uso da sede do Clube com as senhoras da Casa da Amizade, que ali estiveram instaladas durante mais de seis anos, até construírem sua sede. Além disso, e ainda com o propósito de entrosamento com as famílias, realizou uma reunião festiva em cada mês do ano.

Por ocasião do intercâmbio de Grupos de Estudos com a Índia, hospedou o Chairman do Grupo Participou, como colaborador, da instalação dos Rotary Clubes Florianópolis-Ilha e Florianópolis-Lagoa.

Em 2004 foi responsável pela atualização e registro do estatuto do Rotary Clube de Florianópolis às exigências do novo Código Civil.

Por ocasião do Intercâmbio com os rotarianos do Canadá, procurou colaborar desde o planejamento até o final da execução, tendo hospedado um casal rotariano canadense durante 14 dias.

Em 2005, a pedido do Governador Constantino, prestou assistência ao Rotary Clube Florianópolis-Lagoa. Nessa ocasião providenciou também a regularização daquele Clube e o Registro em cartório de seus estatutos, assim como a sua inscrição no Cadastro Nacional das Pessoas Jurídicas, sua declaração de Utilidade Pública Municipal e colaborou para a ampliação do número de sócios. Em 2006 foi eleito sócio honorário daquele clube. Em 2007 foi eleito sócio honorário do Rotary Clube Florianópolis-Ilha. Foi também sócio honorário do R.C. Florianópolis-Atlântico.

No ano de 2005, a pedido do companheiro Everton, foi o responsável pela criação do Instituto de Rotarianos João Eduardo Moritz em Santa Catarina.

A partir de setembro de 2005, foi eleito Presidente do referido Instituto até maio de 2006 quando se afastou em virtude da candidatura ao cargo de Governador do Distrito 4651.

No ano de 2006/2007 foi designado Governador Assistente dos seguintes Rotary Clubes: Florianópolis, Florianópolis Leste, Florianópolis Atlântico e Florianópolis Ilha.

Em 2007 foi eleito Governador do Distrito para o período 2007/2008.

VIDA FAMILIAR

É casado com Maria da Conceição Cordeiro Manhães desde 24 de fevereiro de 1968, (44 anos) tendo uma filha e dois filhos, os quais lhe proporcionaram seis netos.

Sua esposa também se doutorou em Ciências da Educação na Universidade de Grenoble, na França. É aposentada da Universidade Federal de Santa Catarina, onde ocupou vários cargos no Centro de Ciências da Educação. Desde que se aposentou passou a assumir funções na Casa da Amizade, tendo sido presidente da mesma em duas ocasiões, além de haver ocupado vários outros cargos na diretoria daquela entidade.

É fundadora do Rotary Clube Florianópolis-Amizade no qual vem ocupando vários cargos, inclusive o de Presidente do Clube.

PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES SOCIAIS E CÍVICAS

O Governador foi o Instituidor da Escola de Primeiro Grau “Paul Harris”, localizada em Cuiabá, Mato Grosso, em 1978, entregue à Casa da Amizade;
O Governador foi o Instituidor da Escola de Primeiro Grau “Paul Harris”, localizada em Cuiabá, Mato Grosso, em 1978, entregue à Casa da Amizade;
É o Instituidor da Fundação Educacional do Buriti, em Cuiabá e foi Presidente da mesma de 1976 a 1980;
Foi o Idealizador e membro do Conselho Diretor da Fundação Educacional “Júlio S. Muller” em Cuiabá, desde 1978;
Foi o Coordenador do Ciclo Básico da Universidade Federal de Mato Grosso de 1973 a 1976.
Foi o idealizador e implantador da Orquestra Sinfônica da Universidade Federal de Mato Grosso, 1975;
Foi Presidente da Comissão de Educação do Conselho Estadual de Entorpecentes de Mato Grosso. 1987/1988;
Foi Membro da Comissão Estadual de Combate ao Fumo junto à Secretaria da Saúde de Santa Catarina. 1991;
Membro do Conselho Regional da Campanha Nacional das Escolas da Comunidade em Mato Grosso. 1985;
Criador do Primeiro Banco do Livro, no Brasil, em 1962.
Organizador do Instituto de Rotarianos “João Eduardo Moritz”, em Florianópolis, em 2005;
Presidente do Instituto de Rotarianos “João Eduardo Moritz”, de setembro de 2005 a abril de 2006.
Membro do Rotary Clube desde 1973;
Membro da Maçonaria desde 1978;
Presidiu a União Mariliense de Acadêmicos, em Marília, SP, de 1962 a 1964.
Membro do Conselho Regional do SENAC de Mato Grosso, de 1972 até 1975, representando o MEC.
Membro do Conselho Regional do SENAC em Santa Catarina, representando o Ministério da Educação, desde 1990 até sua aposentadoria do MEC em 1996.

Autor de cinco livros sobre Legislação Escolar

Autor de um livro sobre Tecnologia Educacional

Autor de um livro sobre Legislação do Pessoal, federal

Autor de um site sobre legislação Escolar Brasileira hospedado no site edulei.ufsc.br

CÔNJUGE:

MARIA DA CONCEIÇÃO CORDEIRO MANHÃES

Nascida em 08 de dezembro de 1945, em João Câmara, RN, casada em 24/02/1968, teve uma filha e dois filhos, dos quais possui duas netas e quatro netos.

É licenciada em Pedagogia , com habilitação em em Docência e Administração Escolar. Especializou-se em Docência do Ensino Superior e também se doutorou em Ciências da Educação na Universidade de Grenoble, na França.

Ingressou como professora do ensino superior em 1976, na Universidade Federal de Mato Grosso. Em 1988 veio para a Universidade Federal de Santa Catarina, onde, além de professora nos cursos de graduação e pósgraduação, exerceu vários cargos administrativos: chefe de Departamento, Vice-Diretora do Centro de Educação e membro do Conselho Universitário.

É aposentada da Universidade Federal de Santa Catarina.

Desde que se aposentou, passou a assumir funções na Casa da Amizade, tendo sido presidente da mesma em duas ocasiões, além de haver ocupado vários outros cargos na diretoria daquela entidade. Embora continui como associada à Casa da Amizade de Florianópolis, é fundadora do Rotary Clube Florianópolis-Amizade no qual vem ocupando vários cargos, inclusive o de Presidente do Clube.

Colaborou intensamente com o esposo Governador no período 2007/2008